A negociação no seu dia a dia


Todos os dias temos a necessidade de negociar em diversas situações, seja no trabalho, em casa, na faculdade ou internamente. Porém na maioria dos casos não nos damos conta do quão despreparados enfrentamos essas situações e o quanto isso reduz nossa chance de sucesso ao final da rodada.

Basicamente, as motivações para uma negociação são, as diferenças interpessoais entre os negociadores ou a escassez de de recursos, dos mais variados: tempo, equipamento, atenção, verba, dentre muitos outros.

Além da informação, precisamos nos preocupar em atender a todos os nossos “eus” em uma negociação, e negociador possui na maioria dos casos diversos papeis sociais que podem ou não ter interesses conflitantes dependendo do resultado da negociação.

Destaco que negociar é:

  • Estabelecer uma visão comum de um problema
  • Compatibilizar interesses
  • Estabelecer um plano de ação conjunta

Ao final da negociação devemos nos preocupar em chegar a uma solução:

  • Criativa, que busque atender as demandas de todos os envolvidos, no sistema ganha-ganha.
  • Sustentável, que possa ser levada adiante por todos.
  • Adaptável a mudanças de cenário, que possa ser ajustada se as regras do jogo mudarem

Para chegar a esse tipo de solução é importante que o negociador tenha em mente alguns pontos principais de uma negociação

  • Ela deve ser estruturada
  • A estrutura marca sua estratégia
  • Estratégias, podem e devem ser adaptadas
  • Controlar o processo de negociação, aumenta seu poder e as chances de sucesso
  • A negociação pode ser conduzida para um determinado fim
  • O estudo do ambiente é uma forma de poder

As negociações acontecem a todo momento, estude os participantes como quem analisa um tabuleiro de xadrez e aumente as sua chances de conseguir bons resultados.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *